Skip to main content
Foto mostra parque de San Francisco

Saúde e o meio ambiente

Questões de saúde, como a pandemia provocada pelo COVID-19, nova doença causada pelo coronavírus, impactam no equilíbrio do meio ambiente

O ser humano merece uma vida saudável e um ambiente mais sustentável. Algumas doenças causadas pela sujeira das cidades, enchentes, pela fumaça dos motores dos carros e pelo stress do dia a dia podem afetar a saúde das pessoas, provocando gripes, resfriados, e em muitos casos, dificuldades respiratórias.

Saúde coletiva

Parte importante da nossa saúde vem de como tratamos nosso corpo. E isso começa quando cuidamos também do meio ambiente a nossa volta. Estudos revelam que quando as pessoas incorporam ações sustentáveis, visando o benefício coletivo, todos ganham e a qualidade de vida agradece, fazendo com que os sistemas de saúde pública fiquem menos sobrecarregados e atendam melhor quem realmente precisa.

Foto mostra aparelho para melhorar a respiração e a saúde do paciente
Doenças respiratórias são provocadas por inúmeros fatores

Quando você opta por um meio de transporte não poluente, como uma bicicleta ou um patinete elétrico, ajuda a causar menos impactos, auxiliando no combate à poluição, presente principalmente nas grandes cidades.

Desequilíbrio causado por doenças

Muitos dos males a que estamos submetidos são causados pela falta de higiene, pelo desequilíbrio provocado pelas ações humanas e também por vírus. Gripe Espanhola, H1N1, SARS (Síndrome respiratória aguda grave) causaram perdas de vidas e sempre impactam o modo que enxergamos como o mundo em que vivemos é relativamente pequeno perto de um vírus. O exemplo mais recente é COVID-19 ou Sars-Cov-2, popularmente chamada de coronavírus. Tendo atingido o estágio de pandemia (que é uma enfermidade epidêmica amplamente disseminada) o vírus já está presente nos cinco continentes, ceifando várias vidas e provocando prejuízos financeiros no mundo todo. Utilizar meios de transporte como aviões e navios ajudaram a alastrar a doença.

O período médio de incubação deste novo vírus é de 5 dias e em alguns casos pode chegar até a 14 dias antes de se manifestar. Mesmo assim, 80% dos infectados não necessitam de internação e isso é um bom sinal.

Foto mostra interior de avião
Aviões contribuíram na disseminação do Coronavírus

Tudo pode ter surgido na manipulação e contato com a carne de cobras por pessoas em mercados de rua na China. As cobras são reservatórios naturais do vírus e infectaram os frequentadores desses mercados, segundo estudo da Universidade de Pequim e da Universidade de Bioengenharia de Wuhan. Um perigoso desequilíbrio natural.

Ambientes degradados

Além disso, o desmatamento de grandes áreas pode impactar a saúde do mundo todo, como sugere esse estudo realizado pela PNUMA (Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente):

As doenças transmitidas de animais para seres humanos estão em ascensão e pioram à medida que habitats selvagens são destruídos pela atividade humana. Cientistas sugerem que habitats degradados podem incitar processos evolutivos mais rápidos e diversificar doenças, já que os patógenos se espalham facilmente para rebanhos e seres humanos”.

Foto mostra boi em um cercado
O consumo de alimentos de origem animal provocam 70% das doenças
modernas, segundo estudos realizados pela ONU

Através da FAO (Organização das Nações Unidas para Alimentação e Agricultura), a ONU alertou, já em 2013, que cerca de 70% das doenças modernas são causadas por alimentos de origem animal. Isso merece também uma reflexão.

Parceria para produção de vacina

Diante dos números alarmantes causados pela pandemia provocada pelo covid-19, muitos institutos, laboratórios e médicos do mundo todo buscam uma vacina viável, no menor prazo de tempo possível.

Uma destas iniciativas foi formada no Brasil por algumas empresas, que investiram R$ 100 milhões para a criação de uma fábrica de vacinas, que estará produzindo mais de 30 milhões de doses a partir de março de 2021.

Foto mostra uma mão com luva plástica fazendo sinal de positivo/like
Boa iniciativa: empresas doaram R$ 100 milhões para construção de fábrica de vacinas

A vacina da unidade brasileira é a mesma que está sendo desenvolvida pela Universidade de Oxford, junto ao laboratório farmacêutico britânico AstraZeneca.

O grupo é formado pela Ambev, Americanas, Itaú Unibanco, Stone, Instituto Votorantim, Fundação Lemann, Fundação Brava e Behring Family Foundation, e todas as vacinas serão doadas à Fiocruz.

Saúde passa pela informação

Em uma situação que a saúde humana está em risco devemos cuidar de propagar boa informação e auxiliar na tomada de decisão de quem desconhece como lidar com essa pandemia.

Segundo o informe da SOCIEDADE BRASILEIRA DE INFECTOLOGIA (SBI), publicado dia 12 de março de 2020, diz que “as medidas preventivas mais eficazes para reduzir a capacidade de contágio do novo coronavírus são: ‘etiqueta respiratória’ (veja quadro abaixo); higienização, com água e sabão ou álcool gel a 70%, frequente das mãos; identificação e isolamento respiratório dos acometidos pela Covid-19 e uso dos EPIs (equipamentos de proteção individual) pelos profissionais de saúde”, como máscara cirúrgica, avental e luvas descartáveis, além de protetor facial ou óculos.

Imagem mostra dicas de saúde
Fique atento a essas informações

Novos estudos mostram o tempo que o Covid-19 pode sobreviver em diversos tipos de materiais. Veja alguns deles e previna-se:
Roupas e tecidos: 72 a 96 horas
Aço inoxidável: 72 horas
Plástico: 72 horas
Papelão: 24 horas
Cobre: 4 horas
Poeira: 40 minutos a 2h30

Na maioria das vezes, a utilização de álcool com pelo menos 70% consegue realizar uma boa desinfecção

Saúde é o que interessa

É possível adotar medidas simples que ajudam a combater essas e outra doenças, mantendo os locais limpos, arejados e higienizados. Temos que ficar sempre atentos, respeitar o meio ambiente e o mundo em que vivemos.

E por acreditar nisso, a Ecooar refloresta áreas degradadas, recuperando locais que levariam décadas para se revitalizarem sozinhos. Conheça um pouco sobre como contribuímos para melhorar o Planeta.


Leia mais sobre o tema:
Lições do Coronavírus para o meio ambiente
Economia, saúde e sustentabilidade


Informações:
SOCIEDADE BRASILEIRA DE INFECTOLOGIA (SBI)

‘Novo coronavírus pode ter vindo de cobras vendidas no mercado de Wuhan, aponta estudo chinês’; G1.Globo

‘Surto de coronavírus é reflexo da degradação ambiental, afirma PNUMA’; Unenvironment.org

‘Quanto tempo o coronavirus sobrevive nas superficies estudo aponta que plástico e aço ampliam a sobrevida’; G1.Globo.com/bemestar


Texto adaptado: Alex Carvalho – Diretor de Marketing da Ecooar
Fotos: Fabio Lecci – Diretor Ecooar

Facebook Comments

ecooar

A Ecooar Biodiversidade acredita em um mundo melhor! E por acreditar tanto nisso, nossa equipe atua apaixonadamente para proteger, preservar e recuperar a natureza. Trabalhamos com projetos de reflorestamento que agem na recomposição de Áreas de Preservação Permanente (APP) na Mata Atlântica e demais biomas. A formação de florestas retém CO2 da atmosfera, o que resulta na captura de Gases de Efeito Estufa (GEE) e regeneração do meio ambiente.

Deixe uma resposta

Translate »