Skip to main content
Foto mostra árvores com o simbolo do Rotaract

Rotaract: árvores e amizade

A palavra Rotaract vem da abreviação da frase em inglês “Rotary in Action” ou “Rotary em ação”. O Rotary International foi fundado por Paul Percy Harris em 23 de fevereiro de 1905 com ajuda de alguns amigos e desde o início teve como objetivo unir voluntários a fim de prestar serviços humanitários, buscar a paz mundial e plantar árvores para simbolizar o valor da amizade e da boa vontade.

Foto mostra Paul Harris, fundador do Rotary Club plantando árvore no Rio de Janeiro, Brasil
Paul Harris e Jean Harris (sua esposa), na companhia de outras pessoas,
durante plantio de árvore no Rio de Janeiro, em 1936 (Fonte: Rotary)

Os Rotaract Clubes promovem ações sociais, lutam pela preservação do meio ambiente e buscam a formação de líderes. A grande maioria dos membros tem entre 18 e 30 anos, mas o movimento começa a acolher membros de idades superiores a idade inicial.

História e ação

Com a intenção de trazer os jovens para dentro do Rotary, alguns membros deste clube, especificadamente da Carolina do Norte, nos Estados Unidos, em 13 de março de 1968, deram início ao primeiro Rotaract Club focado no trabalho voluntário. Para comemorar a ocasião os integrantes plantaram uma árvore!

Foto mostra pessoas do Rotaract plantando uma árvore
Os rotaractianos pioneiros da Universidade da Carolina do Norte plantam uma árvore em homenagem aos clubes irmãos que estavam surgindo (Fonte: Revista Rotary Brasil)

Os primeiros Rotaract Clubs inspiraram jovens líderes a fazerem a diferença ajudando suas comunidades, conectando cada vez mais pessoas, auxiliando nos mais diversos tipos de causas. Com mais de 10 mil Rotaract Clubs, espalhados em 184 países, os 250 mil associados agem e lutam por um mundo melhor.

No Brasil o primeiro Rotaract Club foi fundado em Ribeirão Pires, São Paulo, em 20 de novembro de 1968.

Um destes clubes é o Rotaract do distrito 4510, que fica localizado no interior do estado de São Paulo, composto das seguintes cidades: Adamantina, Assis, Bastos, Bauru, Cândido Mota, Garça, Lucélia, Marília, Osvaldo Cruz, Palmital, Panorama, Paraguaçu Paulista, Parapuã, Pederneiras, Pirapozinho, Presidente Prudente, Primavera, Quata, Rancharia, Rinópolis, Santo Anastácio, Tarumã, Tupã e Tupi Paulista.

Foto mostra camisetas e medalhas da competição de MTB do Rotaract de Tupi Paulista
1º Desafio de MTB do Rotaract Club de Tupi Paulista reuniu muitos participantes

Dentre várias ações realizadas ao longo de 2019, algumas merecem destaque como o Diversaract, que aconteceu em outubro na cidade de Bastos em comemoração ao Dia das Crianças, a ação Tonelada de Amor, em novembro, que arrecadou muito mais para a comunidade da região da cidade de Garça e o 1º Desafio de MTB do Rotaract Club de Tupi Paulista, que aconteceu em dezembro.

Rotaract combatendo o aquecimento Global

O CO² é o gás que mais contribui para o aquecimento global, pois suas emissões representam cerca de 55% do total mundial de emissões de GEEs com efeitos de longa duração, permanecendo na atmosfera por cerca de 200 anos.

A deterioração ambiental faz com que as florestas não consigam se regenerar sozinhas, por isso o reflorestamento é a maneira mais eficaz de resgatar regiões degradadas e recuperar o equilíbrio do ecossistema.

Foto mostra área de reflorestamento com árvores ainda pequenas
Reflorestamentos são essenciais para a recuperação de áreas degradadas

Afinal reflorestar está diretamente ligado à preservação da biodiversidade, da qualidade de vida, da qualidade do ar e das mudanças climáticas que temos enfrentado.

Isso vem de encontro ao desejo do Rotaract, já que um dos principais objetivos do clube é a preservação do meio ambiente.

Rotaract: Ação #Reflorestaract

Intitulado de #Reflorestaract, o projeto surgiu pela primeira vez em outubro de 2015 na cidade de Garça, um dos clubes do Distrito 4510. Desde a sua criação, ações de reflorestamento tem sido feitas, visando ajudar a comunidade e o meio ambiente principalmente com o apoio de voluntários, empresas locais e colaboradores.

Foto mostra cinco pessoas em parque com árvores ao fundo
Plantio de árvores foi realizado em 2017 para compensar um evento do Rotaract

Um dos exemplos foi o plantio de espécies nativas no Parque Ecológico Jayme Nogueira Miranda, realizado pelo Rotaract Club Garça Azul na ação ‘Programação Pets – Treinamento de Presidentes Eleitos de Rotaract para Gestão 2017 / 2018’.

Já em julho de 2019 foi realizado o plantio de mudas de espécies nativas.  O local selecionado foi a Fazenda Santa Cecília, localiza na região oeste do Estado de São Paulo, no município de Garça, com altitude média de 610 metros. O projeto de recuperação ocupa uma área em torno de nascentes da Bacia do Rio Aguapeí e Rio do Peixe, dentro dos limites da faixa de preservação estabelecida por lei.

Foto mostra área de reflorestamento do Rotaract com uma pessoa próxima a placa de identificação da área
Deyse Serapião, presidente do Rotaract Club Garça Azul e
Coordenadora Distrital do Rotaract em visita a área de reflorestamento

Esta área para plantio foi escolhida cuidadosamente pela empresa parceira do Rotaract, a  Ecooar Biodiversidade, que comprova todas as etapas do plantio, visando formar florestas, proteger mananciais, atrair a fauna e gerar novas sementes.

A ideia é fomentar para que outros clubes se engajem nessa ação, por um mundo mais verde.

Rotaract com Selo Verde

Com a utilização de tecnologia 100% nacional foi desenvolvido o Programa Ecooar de Compensação Ambiental, que é acessado através do website www.ecooar.com. O programa conta com auditoria pública on-line disponível em qualquer tipo de tela, desde notebooks a smartphones, podendo ser compartilhada através da internet, conferindo mais credibilidade ao processo.

Foto mostra placa em área de reflorestamento do Rotaract com árvores plantadas em linha
Área com as árvores plantadas do Rotaract após seis meses do plantio; certificada pela Ecooar

Dessa forma Rotaract 4510 faz parte de um movimento global que ajuda a transformar áreas degradadas em florestas.

Assim, pessoas e empresas participam criando locais que reúnem experiências únicas e fazem toda a diferença no mundo em que vivemos, compensando parte de suas emissões de Gases de Efeito Estufa, sejam elas eventos, produtos, websites e outras, compartilhando essa ação com voluntários e colaboradores, recebendo o Selo Verde Ecooar e o certificado de compensação com a localização exata da área reflorestada.


Fotos e texto: Equipe Ecooar

Facebook Comments

ecooar

A Ecooar Biodiversidade acredita em um mundo melhor! E por acreditar tanto nisso, nossa equipe atua apaixonadamente para proteger, preservar e recuperar a natureza. Trabalhamos com projetos de reflorestamento que agem na recomposição de Áreas de Preservação Permanente (APP) na Mata Atlântica e demais biomas. A formação de florestas retém CO2 da atmosfera, o que resulta na captura de Gases de Efeito Estufa (GEE) e regeneração do meio ambiente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Translate »