Skip to main content

Reciclagem é uma realidade em Portugal

A separação das embalagens usadas para reciclagem é difícil? Talvez você tenha uma opinião diferente após esse texto.

Os resíduos são uma consequência das atividades realizadas pelo homem, mas podemos respeitar o planeta se participarmos ativamente na gestão dos materiais a serem reciclados. Dessa forma produzir, usar, descartar corretamente e reinserir esses materiais novamente no circuito produtivo faz toda a diferença para o mundo em que vivemos.

Na Europa, mais precisamente em Portugal, muitas políticas públicas, com auxílio do setor privado estão mudando o modo como os portugueses enxergam a reciclagem.

As cores facilitam o descarte
Em Portugal as lixeiras também são identificadas através das cores, facilitando a reciclagem

Reciclagem cada vez maior

A Sociedade Ponto Verde (SPV) de Portugal atua há mais de 20 anos com o sistema ponto verde, que integra uma cadeia de parceiros fazendo a reciclagem acontecer. Hoje em dia, 7 em cada 10 lares portugueses separam embalagens, promovendo um ambiente mais limpo e higiênico.

Para reciclar só precisa começar. A campanha “Transforme ideais em gestos reais”, da SPV, defende que sempre que usamos embalagens elas devem ser colocadas no ecoponto, local que depois de esvaziado dá a destinação correta ao resíduo. Em casa, no escritório, na escola ou na rua, cada embalagem conta.

Veja essas dicas que eles utilizam lá, mas que podem ser seguidas por todos:

  1. Separe todas as embalagens usadas: no serviço, em festas ou na escola;
  2. Separe as embalagens por material: embalagens de plástico, metal e pacotes de bebidas descarte em lixeiras da cor amarela; embalagens de vidro, na verde; e embalagens de papel, na azul;
  3. Não há necessidade de lavar ou retirar rótulos.
Reciclagem gera benefícios para a coletividade portuguesa
Cada um de nós pode descartar os materiais em locais adequados, ajudando o planeta

Fazendo sua parte

É cada vez mais alta a quantidade de resíduos que são reciclados. Ao reforçar esta tendência, todos estarão contribuindo para a manutenção dos recursos não renováveis do planeta, reduzindo a pressão sobre a natureza. Mas sempre se pode fazer um pouco mais. Convém inclusive lembrar alguns números importantes já contabilizados em Portugal:

– No país já existem mais de 45.000 ecopontos;
– 100% do território tem acesso à coleta seletiva;
– Até 2025 a meta de reciclagem das embalagens é de 65%;

A Associação Portuguesa de Empresas de Distribuição (APED) irá lançar em cerca de mil lojas, nas plataformas ‘online’ e nas redes sociais uma campanha de sensibilização para o uso sustentável do plástico, apelando à reciclagem.

É dessa forma que Portugal vai fazendo sua parte pela reciclagem. Separar o lixo é uma questão de atitude e reciclar sempre traz inúmeros benefícios para o planeta.

Fábio Lecci Merigue, ambientalista e diretor da Ecooar

Facebook Comments

ecooar

A Ecooar Biodiversidade acredita em um mundo melhor! E por acreditar tanto nisso, nossa equipe atua apaixonadamente para proteger, preservar e recuperar a natureza. Trabalhamos com projetos de reflorestamento que agem na recomposição de Áreas de Preservação Permanente (APP) na Mata Atlântica e demais biomas. A formação de florestas retém CO2 da atmosfera, o que resulta na captura de Gases de Efeito Estufa (GEE) e regeneração do meio ambiente.

Deixe uma resposta

Translate »