Skip to main content
Foto mostra área de reflorestamento Massas Paulista

Massas Paulista: protegendo o meio ambiente

Presente no mercado brasileiro desde 1946, a empresa Massas Paulista atua no segmento de alimentos, com uma estrutura de mais de 15 mil m², no interior do estado de São Paulo. Produzindo diferentes tipos de massas, possui laboratório próprio, o que garante a qualidade de seus produtos.

Imagem mostra produtos da Massas Paulista

A indústria mantém parceria com empresas reconhecidas internacionalmente como a Nestlé do Brasil (Maggi), Nestlé Chile, Nestlé Guatemala e Kraft Heinz do Brasil (Mac & Cheese), assim como cozinhas industriais e demais segmentos do mercado. Ela tem a missão de atuar no setor alimentício, fornecendo massas com Qualidade e Segurança e atendendo as necessidades de seus clientes, sempre com Responsabilidade Social e Ambiental.

Massas Paulista: diminuindo resíduos

Desde 2011 a Massas Paulista realiza o Plano de Redução dos Resíduos que tem como objetivo definir uma meta para diminuição dos resíduos existente na empresa. Por isso coleta dados de resíduos como papel, plástico, produtos descartados (varredura), matérias primas (perdas), cinzas (lenha), água e embalagem plástica.

Foto mostra interior da empresa Massas Paulista
Empresa realiza o Plano de Redução dos Resíduos para diminuir os impactos ambientais

Seguem alguns exemplos de conformidade praticados pela empresa:

– O sistema de resfriamento do gerador de calor do processo é fechado, havendo somente reposição de água;
– Na fábrica, o piso é concretado, com sistema de drenagem ligada à rede de efluentes;
– O resíduo de óleo lubrificante usado, é armazenado e coletado por empresa especializada;
– As lâmpadas são armazenadas e coletadas por empresa recicladora.

Além dessas ações, outras acontecem com os resíduos produzidos pela empresa:

-Os “big bags” para transporte de macarrão são reutilizados até 8 vezes, e os “ big bags” que transportam matéria prima, farinha, são devolvidos para o moinho reutilizar;
– A casca da lenha é utilizada para compostagem, em propriedade rural da família, com finalidade de melhorar a eficiência da queima e não gerar fumaça;
– O resíduo da queima da lenha, as cinzas, é utilizada na adubação orgânica em áreas rurais;
– Os resíduos gerados no setor produtivo (papelão, embalagens plásticas, “big bags”, massas da varrição) são separados e destinados à reutilização e reciclagem;
– A fumaça de vapor d’água é emitida pelo gerador de água quente;
– Acontece também o controle de efluentes domésticos.

Plantando um mundo melhor

A deterioração ambiental faz com que as florestas não consigam se regenerar sozinhas, por isso o reflorestamento é a maneira mais eficaz de resgatar regiões degradadas, recuperar o equilíbrio do ecossistema e compensar sua pegada de carbono.

Foto mostra pessoas plantando árvores na área da Massas Paulista
Desde 2015 a Massas Paulista já realiza reflorestamentos com a Ecooar

A Massas Paulista faz a sua parte, através do Programa de Reflorestamento Ecooar, que tem como principal objetivo plantar árvores, o que está diretamente ligado à preservação da biodiversidade, da qualidade de vida, da água e do ar.

Preservando nascentes

O projeto de recuperação ocupa uma área em torno de nascentes da Bacia do Rio Aguapeí, dentro dos limites da faixa de preservação estabelecida por lei.

Esta unidade é formada pelo Rio Feio (ou Aguapeí), que nasce a uma altitude de 600 metros, entre as cidades de Gália e Presidente Alves, e pelo Rio Tibiriça, que nasce a uma altitude de 480 metros, junto à cidade de Garça. A Bacia possui extensão aproximada de 420 Km até sua foz no Rio Paraná, a uma altitude de 260 metros, entre o Porto Labirinto e o Porto Independência.

Foto mostra nascente em um dia de sol
Proteção de nascentes da Bacia do Aguapeí é um dos benefícios do reflorestamento realizado

A recuperação desta nascente auxilia à UGRHI-20 municípios cujas sedes estejam inseridas na área da Bacia Hidrográfica do Rio Aguapeí, correspondendo estes a 32 municípios descritos a seguir e em detalhes no mapa:

01 – ÁLVARO DE CARVALHO
02 – ARCO ÍRIS
03 – CLEMENTINA
04 – DRACENA
05 – GABRIEL MONTEIRO
06 – GARÇA
07 – GETULINA
08 – GUAIMBÊ
09 – HERCULÂNDIA
10 – IACRI
11 – JÚLIO MESQUITA
12 – LUCÉLIA
13 – LUIZIÂNIA
14 – MONTE CASTELO
15 – NOVA GUATAPORANGA
16 – NOVA INDEPENDÊNCIA
17 – PACAEMBU
18 – PANORAMA
19 – PARAPUÃ
20 – PAULICÉIA
21 – PIACATU
22 – POMPÉIA
23 – QUEIROZ
24 – QUINTANA
25 – RINÓPOLIS
26 – SALMOURÃO
27 – SANTA MERCEDES
28 – SANTÓPOLIS DO AGUAPEÍ
29 – SÃO JOÃO DO PAU D’ALHO
30 – TUPÃ
31 – TUPI PAULISTA
32 – VERA CRUZ
Cidades que integram o sistema de Unidades Hidrográficas de
Gerenciamento de Recursos Hídricos Aguapeí (Fonte: CBH-AP)
Mapa mostra cidades que estão no sistema hídrico do Aguapeí. oeste do Estado de São Paulo.
Várias cidades são beneficiadas pelos projetos de preservação de nascentes

Massas Paulista: recuperando áreas

A área para o reflorestamento da Massas Paulista foi escolhida cuidadosamente, pois nossos projetos são adaptados a cada região da melhor forma, comprovando todas as etapas do plantio, visando formar florestas, proteger mananciais, atrair a fauna e gerar novas sementes.

Foto mostra área de reflorestamento com placa da empresa Massas Paulista
Placa identifica o local de reflorestamento em 2015

O primeiro projeto foi realizado em março de 2015, quando foram plantadas mudas de árvores de diferentes estágios sucessionais (pioneiras, secundárias e clímax), visando a atração de pássaros e animais silvestres, para acelerar o processo de recuperação da área através da dispersão de sementes.

Foto mostra área de reflorestamento em desenvolvimento
Em 2020 a primeira a primeira área já está completamente revitalizada

Em maio de 2020 a segunda etapa foi realizada, com o plantio de mais árvores, ampliando a responsabilidade socioambiental da empresa.

Foto mostra árvores da área Massas Paulista

A Massas Paulista demonstra, com essa atitude, que respeita as novas gerações e participa ativamente da restauração das florestas.


Saiba mais:
Website
Instagram


Utilizando o Selo Verde

A Massas Paulista comprova essas ações ecológicas e a sua atitude com o meio ambiente através do uso do Selo Verde Ecooar em toda a sua linha de produtos.

Foto mostra macarrão parafuso e embalagem com Selo Verde Ecooar
Uso do Selo Verde Ecooar nos produtos certifica a compensação de CO² da empresa

Com pouco investimento você e sua empresa também podem conquistar o Selo Verde Ecooar, ampliando a responsabilidade socioambiental. Veja algumas das vantagens:

– Agrega valor à sua marca
– Fortalece sua imagem junto ao consumidor
– Colaboradores mais engajados com a sustentabilidade
– Refloresta áreas com auditoria on-line
– Neutraliza as emissões de Gases de Efeito Estufa
– Recupera ecossistemas e nascentes
– Amplia a responsabilidade socioambiental
– Melhora a qualidade de vida das pessoas
– Contribui com educação ambiental
– Certifica empresas, produtos, websites, feiras e eventos

Estas ações podem ser consultadas rapidamente através do QR Code, fortalecendo ainda mais o marketing verde com os consumidores, de maneira fácil, rápida e prática.

Entre em contato com nossa equipe e saia na frente!

E-mail: ecooar@ecooar.com | ecooar@gmail.com

Facebook Comments

ecooar

A Ecooar Biodiversidade acredita em um mundo melhor! E por acreditar tanto nisso, nossa equipe atua apaixonadamente para proteger, preservar e recuperar a natureza. Trabalhamos com projetos de reflorestamento que agem na recomposição de Áreas de Preservação Permanente (APP) na Mata Atlântica e demais biomas. A formação de florestas retém CO2 da atmosfera, o que resulta na captura de Gases de Efeito Estufa (GEE) e regeneração do meio ambiente.

Deixe uma resposta

Translate »