Skip to main content
Foto mostra jabuticabeira com frutos de Jabuticaba

Jabuticaba: o doce sabor brasileiro

No ano de 1993, o economista Pérsio Arida disse uma de suas mais célebres frases: “Certas coisas são iguais à jabuticaba, só ocorrem no Brasil”. Apesar do efeito pirotécnico impressionante produzido pelo que foi dito, esse fruto genuinamente brasileiro também aparece de forma natural em países como México, Argentina, com incidência também nos países da América Latina, não sendo uma exclusividade tupiniquim.

O que realmente importa é que a Jabuticaba é uma das frutas mais conhecidas e apreciadas do Brasil, podendo ser consumida de diversas maneiras.

Jabuticaba e suas particularidades

Pertencente à família Myrtaceae, a Jabuticabeira mais comum é uma árvore frondosa, desenvolve-se melhor próxima a lugares úmidos, em clima tropical e subtropical, de tamanho médio, podendo chegar a 9 metros de altura, de crescimento lento e que possui folhas na cor verde vibrante quando adulta e vermelhas, quando mais nova.

Sendo bem irrigada, a árvore pode produzir uma bela floração entre os meses de julho e agosto e novembro a dezembro, quando a árvore fica inteiramente coberta com pequenas flores brancas. Cada uma dessas flores irá transformar-se em um fruto suculento.

Foto mostra flores de jabuticaba e abelha em seu galho
Jabuticabeira em flor: auxiliando a biodiversidade

Esse fruto tem cor roxa, possui casca brilhante, onde o interior é composto de uma polpa branca, com sabor bem peculiar, que agrada à maioria das pessoas. A casca contém uma substância corante que os índios já utilizavam há muito tempo, produzindo um tipo de vinho. Foram eles que deram o nome ao fruto, que em tupi significa jabuti (animal silvestre) e caba (lugar onde), pois esses animais se alimentam desse fruto e podiam ser vistos nas proximidades da árvore.

Existem cinco espécies de jabuticabeiras no país: a Paulista, a Rajada, a Branca (que os frutos são de cor verde clara), a Pohema e a mais conhecida e cultivada é a da espécie Sabará. Inclusive o fruto é festejado anualmente na cidade mineira de mesmo nome, no mês de novembro, onde acontece um circuito gastronômico e cultural com a presença de chefs renomados de cozinha que fazem pratos elaborados a partida da jabuticaba.

Vitamina C e muito mais

Além de muito saborosa a Jabuticaba também faz muito bem para a saúde. Dentro da polpa do fruto estão presentes, além da vitamina C, cálcio, fósforo, ferro, incluindo a niacina, que também conhecida como vitamina B3, importante para o metabolismo energético celular, na reparação do DNA e no combate aos radicais livres.

A cada 100 gramas de jabuticabas encontramos, em média:
Calorias………43
Glicídios……..11,2g
Proteínas…… 0,54g
Cálcio………… 9mg
Fósforo……… 60mg
Ferro…………. 1,26mg
Sódio…………. 8,3mg
Potássio……. 13,2g

Foto mostra jabuticaba no chão, com abelha ao lado
O fruto doce da Jabuticaba é muito apreciado por abelhas, pássaros e jabutis

Para a biodiversidade a Jabuticaba é essencial para as abelhas, que utilizam o pólen para produzir o mel e desempenha papel de perpetuação de espécies, pois sua cor vibrante atrai pássaros, que se alimentam do fruto.

O desafio da expansão

Se observarmos atentamente existem dois principais fatores que impedem uma produção em larga escala da árvore. A dificuldade da colheita em um pomar com muitas árvores é uma delas, pois só pode ser feita à mão, com o uso de escadas, já que os frutos são depositados em sacolas, sem deixar cair no chão. O segundo impeditivo é a conservação dos frutos, que iniciam a fermentação quase que imediatamente, impossibilitando em muitos casos a estocagem.

Foto mostra duas árvores de Jabuticaba no quintal de uma casa
Essa bela árvore ainda está presente em alguns quintais

Mesmo as plantações sendo praticamente caseiras, uma jabuticabeira pode produzir até uma tonelada de frutos por ano e pode estar ativa por mais de 30 anos. A partir de seus frutos podem ser produzidos doces, geleias, sucos, vinhos, licores e até vinagre.

Geleia de Jabuticaba

Veja essa deliciosa dica de como preparar uma geleia de jabuticaba:

Ingredientes

1 kg de jabuticabas inteiras maduras
1 litro de água ou a quantidade suficiente para cobrir as jabuticabas
1/2 kg de açúcar

Modo de preparo

1. Coloque-as em uma panela de pressão as jubuticabas inteiras e cubra com água;
2. Coloque para cozinhar na panela e desligue assim que subir a pressão;
3. Após o cozimento, coe as jabuticabas num filtro de papel ou peneira;
4. Volte o líquido à panela, com a mesma medida de açúcar, e leve ao fogo. Ferva até o ponto de calda grossa. Ponha em potes.

Foto mostra prato com torrada e geleia de jabuticaba
Produzida a partir da jabuticaba, a geleia é doce e saborosa

Após seu fim, a madeira da jabuticabeira pode ser aproveitada para a construção de dormentes, vigas e peças artísticas que podem embelezar ambientes dos mais diversos.

Jabuticaba

Nome científico: Myrcia cauliflora Berg
Nome popular: jabuticabeira; jabuticaba-preta
Família botânica: Myrtaceae
Origem: Brasil – Mata Atlântica.
Partes usadas: Folha, casca e frutos


Saiba mais:

Sobre abelhas e humanos


Agora que você já sabe um pouco mais sobre a Jabuticaba, que tal conhecer outras árvores em nosso website? Acesse www.ecooar.com e saiba mais.

Quer saber como pode plantar a sua árvore na Ecooar? Leia este link!


Texto: Alexandro Carvalho – Advogado, Designer Gráfico e Diretor de Marketing da Ecooar

Fotos: Fabio Lecci Merigue – Ambientalista e diretor da Ecooar


Facebook Comments

ecooar

A Ecooar Biodiversidade acredita em um mundo melhor! E por acreditar tanto nisso, nossa equipe atua apaixonadamente para proteger, preservar e recuperar a natureza. Trabalhamos com projetos de reflorestamento que agem na recomposição de Áreas de Preservação Permanente (APP) na Mata Atlântica e demais biomas. A formação de florestas retém CO2 da atmosfera, o que resulta na captura de Gases de Efeito Estufa (GEE) e regeneração do meio ambiente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Translate »