Skip to main content
Foto mostra uma bicicleta na praia com o mar de fundo

Bicicleta: tudo o que você precisa saber

A bicicleta é sem dúvida um dos maiores inventos da humanidade. Tanto que em um estudo realizado e organizado por Tom Philbin coloca a bicicleta como uma das 100 maiores invenções da história. Que inclusive é uma das formas mais sustentáveis de deslocamento.

É por isso que em um estudo feito em 2015 por Rosenberg Associados, para a Abraciclo (Associação Brasileira dos Fabricantes de Motocicletas, Ciclomotores, Motonetas, Bicicletas e Similares) demonstrou que são produzidas e consumidas anualmente cerca de 120 milhões de bicicletas no mundo, tendo a China como um dos maiores mercados. Na Holanda, que possui 17 milhões de habitantes, 9 em cada 10 habitantes utilizam a bicicleta para trabalho ou diversão.

São provas do sucesso desse incrível meio de transporte, que pode ser utilizado nas mais diversas situações.

Mais de 200 anos de evolução

Como todo invento humano, a bicicleta também passou por inúmeras tentativas, erros e acertos, evoluindo com o passar do tempo. Algumas histórias inclusive são contadas onde até o inventor Leonardo Da Vinci teria feito um protótipo de algo similar com uma bicicleta.

Então no ano de 1817 o Barão Karl von Drais (considerado um dos ‘pais’ da bike moderna), construiu o celerífero, baseado em um projeto ainda mais antigo que tinha sido desenvolvido pelo Conde de Sivrac em 1780. Outras ideias como a Draisine de 1820 também chamaram a atenção das pessoas.

Foto mostra bicicleta antiga exposta em museu
Draisine, também chamado Laufmaschine, exposta no Museu Kurpfälzisches
em Heidelberg, Alemanha (Foto: © Wikipedia)

Construído em madeira com duas rodas interligadas por uma viga e um suporte para o apoio das mãos, a tração era através do impulso dado pelos pés. Lembrando que, nessa época, as rodas eram feitas de madeira ou usando um aro metálico. Catracas, pedais e correntes demorariam um pouco mais a aparecerem.

Isso começou a mudar em 1890, na Inglaterra, quando surgiram equipamentos com presença pedais e roda tubular em borracha contendo ar comprimido, uma espetacular invenção do veterinário escocês Dunlop. Sim, o nome não é uma coincidência. John Boyd Dunlop, inventou o pneu, que deu origem à marca Dunlop e que facilita a vida de muitos condutores até hoje em dia. O francês Edouard Michelin (!) inclusive participou de competições com pneus sem câmara de ar, inventados por ele, em 1891.

Com o sucesso das modificações e caindo na graça das pessoas, a bicicleta moderna começou a ganhar forma. E evoluiu rapidamente.

Antes de pedalar uma bicicleta

Segundo o Código Brasileiro de Trânsito (CBT), quem estiver em uma bicicleta deve sempre respeitar as leis de trânsito e principalmente a sinalização. É sempre bom lembrar que pedestres e ciclistas têm preferência sobre os veículos automotores.

Foto mostra bicicletas sobre uma ponte com a mata ao fundo
Equipamentos como capacetes e luvas são essenciais quando for pedalar

Equipamentos de segurança são essenciais todas as vezes que pedalamos. A lista é grande, mas existem alguns que não podem faltar. Um bom capacete, óculos ou viseira, luvas e roupas apropriadas, claras e coloridas – se for à noite, existem coletes e casacos que brilham no escuro e também cotoveleiras e joelheiras não podem faltar quando for usar a sua bike. E por falar nela, equipe-a com retrovisor, refletores laterais, farol dianteiro e sinalização nos pedais, que são alguns dos itens obrigatórios.

Peças e acessórios

Ao sair com a sua bike por aí, utilize bons acessórios para não ficar na mão, garantindo assim que você possa desfrutar da sua bicicleta como meio de transporte ou apenas diversão, com toda a segurança possível. Conheça algumas marcas que ajudam você quando for pedalar.

Foto mostra duas bicicletas no meio de uma mata de eucaliptos
Utilize sempre peças e acessórios confiáveis na sua bicicleta

Peças confiáveis como das marcas Sram, Shimano e Token garantem um bom rendimento em trilhas e estradas.

No caso de acessórios você pode contar com os equipamentos da Crank Brother, Fizk, Fsa, Nomad, NorthWave, Rudy Projetc, entre muitas outras.

Na hora da revisão, que deve ser feita pelo menos a cada 6 meses, escolha lojas e oficinas especializadas como a Brou Bike Center, a Bike Pointsc, a Bike Center Ribeirão, Bike Alla Carte, Go Gringo Bikes, X Terra Brasil ou outra mais próxima de você.

Ah, e você sabia que o uso de capacete diminui em até 90% o risco de traumatismo craniano em caso de quedas? Por isso segurança é fundamental.

Estilos para todos os gostos

Pedalar é algo que pode ser praticado antes dos 8 e depois dos 80 anos. E existem várias maneiras de apreciar a bicicleta.

Ciclismo de estrada

Com o guidão mais baixo do que o selim, as bicicletas dessa modalidade ajudam o ciclista a ficar em uma posição mais inclinada, o que beneficia a velocidade e a performance. Construídas com peças e conjunto mais leves e com tecnologia de ponta, proporcionam a experiência de pedalar por horas e alcançar longas distâncias. Campeonatos como o Tour de France, Giro d’Italia e Vuelta a España são alguns dos exemplos de competições.

Mountain bike

O mountain bike, como o próprio nome sugere, pode ser praticado em trilhas de montanhas, fazendas, estradas, parques estaduais ou dentro de cidades.

Foto mostra dois ciclistas pedalando em estrada no por do Sol
A prática do montian bike pode te levar a lugares incríveis

Por unir elementos de resistência, destreza, concentração e autossuficiência é um dos esportes mais completos, que exige capacidade do condutor em enfrentar obstáculos. O uso de equipamentos de segurança é essencial.

BMX

A origem da sigla vem das palavras em inglês Bicycle (B) Moto (M) Cross (X). Quem pilota umas dessas bikes é entusiasta de saltos, pulos e de terrenos bem acidentados. Apesar de parecerem simples, elas não são frágeis, e suportam todas as ações devido ao seu quadro resistente e pneus mais grossos.

Existem inúmeros campeonatos e diversas modalidade, como BMX freestyle, BMX Dirt Jump e BMX street, por exemplo.

Urbana

Sair para passear com os amigos ou sozinho, por diversão ou a trabalho, a bicicleta urbana não necessita de grande preparo ou técnicas. Mas por dividir espaço com veículos como carros e ônibus é uma das formas de condução que precisa de mais atenção.

Inclusive para quem não tem bicicleta, nas grandes cidades existem as bicicletas comunitárias, que também podem facilitar o deslocamento em uma metrópole.

Foto mostra bicicletas para uso comum em uma praça na cidade de Lisboa, Portugal
Bicicletas comunitárias estão presentes em várias cidades, como essas em Lisboa, Portugal

Conhecidas também como sistema de bicicletas públicas (ou bicycle sharing system em inglês) já estão presentes nas principais cidades do mundo e a permissão de uso pode ser gratuita ou com um valor de aluguel destinado a manter os custos envolvidos.

Como escolher a bicicleta ideal

Você sabia que algumas bicicletas podem custar mais de US$ 40.000? Mas calma, existem boas bicicletas, com valores bem mais acessíveis e ótimas de pedalar.Leve sempre em consideração qual a sua real necessidade, o conforto que ela proporciona e a durabilidade do conjunto.

Foto mostra várias bicicletas encostadas em uma parede
Existem vários modelos de bicicletas: uma delas é a ideal para você

Qual o uso?
Quando for escolher uma bicicleta, leve sempre em conta se irá usar para praticar exercícios, corrida, trabalho ou uma que possa fazer um pouco de tudo. Lembre-se que o valor estará sempre associado ao rendimento no caso de competições ou quando usada para um simples passeio, por exemplo.

Qual o tamanho?
Leve sempre em conta o tamanho da bike na hora da compra. Isso fará com que você tenha a melhor performance e evitará problemas de postura, que podem ser causados pela condução diária da bicicleta.

Ela é confortável?
Antes de comprar faça um teste, veja se ela é confortável, se está de acordo com o anunciado, se possui a garantias e outros detalhes. Lembrar dessas dicas nunca é demais e evita que você se arrependa depois.

Marcas de destaque

Conheça agora algumas marcas de bicicletas que estão entre as melhores opções na hora da sua compra.

Bicicleta BMC

Conhecida como a “Porsche das bikes de corrida” a BMC produz bicicletas de alto desempenho e a base de fibra de carbono. Com tecnologia de ponta, ela investe muito em pesquisas e desenvolvimento de seu portfólio de produtos.

Bicicleta Trek

Sem dúvida nenhuma uma das melhores marcas de mountain bike do mundo e que figura também na categoria de bicicletas de estrada. Alguns modelos são muito leves o que facilita a pilotagem.

Bicicleta Cannondale

Conforto com alta qualidade: com essas características a Cannondale, que começou no ano de 1971 com roupas e acessórios para bicicletas, está entre as marcas preferidas dos amantes do pedal.

Bicicleta Giant

Foto mostra uma bicicleta com um lago e uma floresta ao fundo

Devido a seus recursos e por proporcionar uma dirigibilidade confortável a Giant possui altas qualificações dos ciclistas, tanto para uso dentro como fora das estradas, tornando essa opção uma das melhores.

Bicicleta Scott

Rica em detalhes, a Scott é a aposta perfeita para quem gosta de muita aventura. Com uma aceleração incrível e uma adaptação notável em todos os terrenos, alguns modelos possuem o quadro em fibra de carbono. Foi eleita em 2017 como uma das melhores bikes.

Bicicleta Specialized

Desde 1981 a Specialized é a marca de inovação, com bikes esportivas e confortáveis, especialmente para as mulheres. Com o custo-benefício como um dos diferenciais, ela também é excelente para ser utilizada tanto em montanhas como em estradas.

Bicicleta Santa Cruz

Vinda diretamente da Califórnia, a empresa produz a bike Santa Cruz em alumínio ou carbono, com belo design, influenciando a indústria e seus concorrentes.

Bicicleta Audax

Representante de uma das marcas brasileiras de bicicletas, a Audax tem como diferenciais cabeamentos internos no quadro em carbono e alguns modelos já vem com pedais de encaixe.

Bicicleta Caloi

A Caloi possui uma grande tradição dentro do imaginário das pessoas, ela evoluiu e hoje tem bikes incríveis que encaram trilhas e estradas tranquilamente. Com um conjunto bem montado e preços justos, a bicicleta tem o seu nicho dentro do mercado.

Incentivadores do esporte

Sabe qual é um dos esportes mais completos e que unem pessoas em torno de uma paixão? Se você respondeu ciclismo, você acertou! Mesmo praticantes de outras modalidades, eles escolheram a bike por fazer bem a saúde, exercitar o corpo e a mente.

Foto mostra Leandro Mateus Barbosa

Leandro Mateus Barbosa ou simplesmente Leandrinho no Brasil e ‘The Brazilian Blur’ nos Estados Unidos, é jogador profissional de basquetebol que atou com destaque por muitos anos no NBA (inclusive foi campeão pelo Golden State Warriors em 2014 e 2015). Hoje ele também é um biker de respeito, que incentiva campanhas colaborativas de ajuda, como a ‘Pedala Leandrinho’ que arrecadou mais de 30 mil reais, conseguiu alimentos e auxiliou no desenvolvimento de comunidades carentes entre as cidade de Jundiaí (SP) e Aparecida (SP), região onde Leandrinho viveu sua infância. Nessa campanha o seu lema foi ‘Ajudar, Educar e Agradecer!’.

Siga o Instagram de Leandrinho


Foto mostra Ayesha McGowan

A norte-americana Ayesha McGowan batalhou por muitos anos para tornar-se uma ciclista de estrada profissional. Em 2014 descobriu que não haviam mulheres negras nesta categoria e por isso criou o projeto “We Bike NYC“, que incentiva mulheres a pedalar.
Inclusive no documentário “Do Better Together” o engajamento de entidades e indústria também é encorajado.

Siga o Instagram de Ayesha McGowan


Renata Falzoni, é fotógrafa, videorrepórter, bikerrepórter e cicloativista. Foi pioneira na valorização do uso da bicicleta no Brasil, tendo sido uma das fundadoras do Night Biker’s Club do Brasil no ano de 1989.

Entrou para a ESPN Brasil em 1995 como consultora e videorrepórter, onde produziu e apresentou o programa “Aventuras com Renata Falzoni”, que foi ao ar por 12 anos. Atualmente Renata dirige o Bike é Legal, um portal na internet focado na mobilidade sustentável e o ciclismo como transporte, esporte e lazer.

Siga o Instagram de Renata Falzoni


Foto mostra Thiago “Brou” Drews

Thiago “Brou” Drews, ou Brou Bruto, é um dos responsáveis por incentivar o monstain bike como esporte no Brasil. Além de ser muito conhecido na internet, também atua como palestrante motivacional, tem um coluna informativa em uma revista e é professor e organizador de eventos.

Siga o Instagram de Thiago “Brou” Drews


Foto mostra Aline Simões

Aline Simões, Bi Campeã Paulista MTB XCO e Estudante de Psicologia é destaque no montain bike. Sempre atenta a sua rotina de atleta, ela pedala forte mantendo o foco e incentivando outras mulheres a buscarem seus objetivos, dentro e fora do esporte.

Siga o Instagram de Aline Simões


Foto mostra Rodrigo Nunes

Rodrigo Nunes é Publicitário de Formação, Ciclista profissional e Atleta MTB CAT. ELITE e GO GRINGO BIKES, além de ser embaixador da X Terra Brazil. Ele também é um dos maiores incentivadores do esporte.

Siga o Instagram de Rodrigo Nunes

Aplicativos e tecnologia

Quem pretende pedalar precisa de dados e informações para melhorar sempre o seu rendimento. Para isso existem aplicativos que criam rotas e compartilham informações com sua turma, através de seu celular.

Strava

Muito popular entre os ciclistas, o Strava está disponível em vários idiomas e permite monitorar, através do GPS, seu treino, velocidade, altimetria, trajeto, calorias e até batimento cardíaco. Seu grande diferencial é que existe um ranking das rotas mais utilizadas na região pelos ciclistas, onde eles podem tentar melhorar a sua performance, comparando com outros atletas.

Imagem mostra logo dos aplicativos Strava e Endomondo

Endomondo

Criado na Dinamarca ele é muito utilizado na Europa. Também mostra mapas, distâncias percorridas e velocidade média. Um som sempre é emitido a cada quilômetro percorrido, facilitando e incentivando a melhora do rendimento.

Provas e eventos em destaque

Muitos dos amantes do pedal se reúnem em diversos eventos para curtir a natureza, trocar experiências e realizarem competições. Conheça algumas delas.

Desafio Brou

Organizado pelos irmãos Brou e Zé Elias, o evento possui competição de bicicletas em alta performance para atletas, mas que conta também com a presença de suas famílias. Desde 2014 promove provas esportivas de MTB, Trail Run, corridas de aventuras e ultra maratonas, sempre promovendo desafios “de atletas para atletas”.

Brasil Ride 2021

O evento será realizado em outubro de 2021 no Sul da Bahia. Com a largada partindo da Costa do Descobrimento, região litorânea do estado, os competidores seguirão em direção ao interior, percorrendo montanhas até o estado de Minas Gerais e voltando para o litoral, tudo isso em 7 dias, percorrendo mais de 600 km.

Fodaxman

A prova reúne os desafios do triátlon extremo e acontece em Santa Catarina. As distâncias de 3,8 km de natação, 180 km de ciclismo e 42 km de corrida, exigem o máximo dos atletas, prova que não é recomendada para iniciantes. Com a largada na Barragem do Rio São Bento em Siderópolis, a chegada acontece em Urubici.

A natureza em uma bicicleta

Para quem curti pedalar em meio a natureza, saiba que no Brasil existem vários locais que possuem vistas espetaculares, proporcionando momentos inesquecíveis.

Campos do Jordão

O Zoom Bike Park é um local que possui trilhas especialmente feitas para a prática da Mountain Bike. São quase 20 trilhas distribuídas em 46 km, uma experiência divertida e única. De trilhas fáceis as mais avançadas, o local proporciona ainda a bela paisagem da Serra da Mantiqueira em Campos do Jordão.

Rio de Janeiro

Foto mostra vista da cidade do Rio de Janeiro, com montanhas e mar ao fundo

Com mais de 140 km de ciclovias, a cidade maravilhosa e suas belezas naturais únicas, são um verdadeiro convite a pedalar pelos parques, lagoa Rodrigo de Freitas, Floresta da Tijuca ou pelo conhecido calçadão de Copacabana.

Serra da Canastra

O Parque Nacional da Serra da Canastra, criado no ano de 1972, tem 3 municípios na sua formação: São Roque de Minas, Sacramento e Delfinópolis, no sudoeste de Minas Gerais. Com paisagens únicas de tirar o fôlego, o local conta com muitas cachoeiras com altura acima dos 100 metros e animais selvagens para serem observados.

Serra do Rio do Rastro

Distante apenas a 50 km do mar e a 1500 m de altitude, essa Serra tem um clima sempre instável, demandando cuidado nas trilhas, que podem apresentar em um único dia, as 4 estações do ano. Com cerca aproximadamente 35 km de extensão, é ideal para boas pedaladas.

Chapada Diamantina

Contanto com algumas das paisagens mais emblemáticas do Brasil, o Parque Nacional da Chapada Diamantina, Bahia, é ideal para se conhecer de bicicleta. Com trilhas que passam perto de centenas de grutas, morros, rios e cachoeiras é um local que merece uma visita.

Estrada Real

Fotos mostram uma bicicleta encosta no marco da Estrada Real e ciclista empurrando uma bicicleta na estrada de terra

Remontando à época do Império, a Estrada Real possui 1600 km de extensão e vai de Paraty, no Rio de Janeiro até Diamantina, em Minas Gerais, passando por 38 cidades e ao lado de muita natureza. Algumas rotas, como a Marina, tem apenas 11 km, ideal para ciclistas iniciantes.

Circuito das Araucárias

O Circuito das Araucárias foi criado especialmente para cicloturismo (conheça mais sobre essa modalidade abaixo), na cidade de São Bento do Sul. Com caminhos bem sinalizados e incríveis belezas naturais, possui mais de 250 km de estradas, cercadas por belas araucárias e diversas outras atrações, como a Rota das Cachoeiras.

Cicloturismo

Você quer uma maneira muito saudável, econômica e ecológica de se fazer turismo? Então o Cicloturismo é para você! E nada mais é do que viajar utilizando como meio de transporte uma bicicleta.

Além de aprender sobre os locais que são visitados durante a viagem é uma maneira econômica e ecológica de fazer turismo. Mas para que tenha o máximo de boas experiências pelo caminho, algumas dicas são fundamentais.

Kits de reparo de câmaras de ar, ferramentas de manutenção, peças sobressalentes são algumas formas de se prevenir contra qualquer contratempo.

Alimentação e hidratação

Quando começar a pedalar, outro fator de atenção é com a sua hidratação e alimentação. Antes de bolar o pé na estrada, consulte um profissional para que ele indique os cuidados que você deve ter com a sua saúde.

Foto mostra ciclista em uma bicicleta com um por do sol ao fundo
Bolsa de hidratação possui um canudo, que facilita a ingestão de
líquidos durante treinos e provas

É essencial iniciar a atividade bem hidratado! Aqui vão alguns lembretes:

– 20 minutos – tome água, isotônicos ou água de coco – 150 a 200ml
– 45 minutos – consuma um tipo de carboidrato de fácil absorção e digestão
– 2h a 3h – leve sachês de sal ou produtos salgados como castanhas, batata ou azeitonas
– Após 3h – opte por proteína em barra, 2 ovos cozidos ou suplementos.

Bicicleta: inúmeros benefícios para a sua saúde

Além de facilitar o seu dia, a bicicleta pode contribuir para sua saúde. Ao pedalar você conquista mais qualidade de vida, criando uma melhor harmonia entre corpo e mente. Conheça outras vantagens.

Foto mostra duas ciclistas com equipamento completo para pedalar e bicicleta
Eliana Modesto e Erika Stipp: pedalar ajuda manter a forma, com mais qualidade de vida

– Desenvolve e fortalece os músculos;
– Ajuda a condicionar a resistência física;
– Melhora a coordenação motora;
– Auxilia na prevenção de doenças do coração;
– Evita o risco da obesidade e facilita a perda de peso;
– Aumenta a endorfina no organismo, provocando bem-estar;
– Contribui para manter a boa postura corporal;
– Exercita a respiração e melhora o fôlego.

Pedalando com os amigos

Pegar a bicicleta e sair por aí é sempre uma boa alternativa. Mas o bom mesmo é reunir uma turma de amigos para pedalar juntos. Podemos dizer que o ciclismo é uma maneira de socialização, de união, onde se consegue fortalecer a amizade e criar bons momentos. 

Um desses grupos é o Piramba MTB, que se reúne para pedalar, ajudar o meio ambiente e causas sociais.

Foto mostra pessoas em uma mata com uma cachoeira ao fundo
Pedalando pelas matas, o grupo encontra sempre belas cachoeiras

“Nosso grupo de amigos faz da bicicleta um meio para se encontrar, se alegrar e contemplar lugares incríveis, que só a bike é capaz de proporcionar. Cachoeiras, vales e florestas incríveis que encontramos pelas trilhas, fazem desses momentos histórias inesquecíveis. Inclusive os princípios e pilares do grupo PirambaMTB são contemplar e sempre respeitar natureza. Afinal fazemos da bike nossa ferramenta sustentável de bem estar!”, comenta João Daniel, um dos integrantes do grupo.

E você, tem uma turma de amigos ou amigas, pedala sozinho ou sozinha? Deixe nos comentários e aproveite para dizer o que acha do ciclismo.

Histórias inspiradoras

Sabemos que pedalar faz muito bem para a mente. Mas existem situações em que isso é muito importante, fundamental na verdade. Além de ajudar a trazer uma nova percepção de como enxergar a vida.

Para Bruno Paim, natural de Dourados -MS, pedalar é uma prova de habilidade, superação e emoção sobre duas rodas. Mesmo tendo nascido com uma má formação congênita dos membros superiores, isso não o impediu dele ir atrás de seus sonhos. Inclusive ele é atleta do Corinthians (que fechou o naming rights da Arena com a Hypera Pharma recentemente).

Foto mostra ciclista Bruno Paim, participando de provas de ciclismo
Bruno Paim, atleta do Corinthians Audax, participa de
provas de ciclismo pelo Brasil (Foto: Fábio Piva)

Luan Paresi, morador de Tangará da Serra, cidade do Mato Grosso, após sofrer um grave acidente de trabalho acabou perdendo seu braço direito e a perna esquerda.

Fotos mostram ciclista Luan Paresi pedalando e segurando bicicleta
Determinação e muita garra: Luan Paresi supera limites a cada dia (Fotos: arquivo pessoal)

Mesmo com sérias dificuldades foi por meio da bike que reencontrou uma nova forma de encarar a vida. Pedalando pelas estradas da sua região, consegue provar que tudo é possível quando há dedicação e confiança em si mesmo.

Bicicleta ecológica

A criação de uma bicicleta ecológica feita com plástico reciclado, derivado de garrafas PET, é uma façanha do artista plástico e engenheiro mecânico uruguaio Juan Muzzi, que vive no Brasil há quase 50 anos, depois de mais de 10 anos de pesquisas.

O quadro da bicicleta é feita a partir de garrafas PETs recicladas (Foto: Website Muzzicycles)

A MuzziCycle já fabricou mais de dez mil unidades da bike de plástico reciclado. Dessa forma, além de se preservar o meio ambiente, gera renda para os catadores, trazendo vantagens e benefícios para todos os envolvidos.

Bicicleta: amiga do meio ambiente

Além de todos esses benefícios e vantagens já ditas sobre a bicicleta, uma delas é fundamental: a contribuição que ela dá ao meio ambiente.

Ao pedalar despertamos a consciência de preservação ambiental por ficarmos mais próximos a natureza e incentivar a diminuição do uso de veículos. Na hora de ir para o trabalho ou para a escola a bicicleta é a solução de perfeita. É uma forma de se exercitar e contribuir com a preservação do meio ambiente, pois é um meio de transporte que não polui.

Deixando o carro em casa, você economiza combustível, se livra dos engarrafamentos, melhora o seu humor e contribui para que sua cidade tenha um ar mais limpo. Na prática, é você sendo mais sustentável, através de atitudes que minimizam o seu impacto no meio ambiente.

Por isso pedale, seu corpo e o Planeta agradecem.

Foto mostra bicicleta no horizonte com o sol ao fundo

A Ecooar incentiva o ciclismo e todos os esportes que fazem bem ao corpo, a mente e mantêm o contato e o respeito com a natureza. Você pode fazer a sua parte, conquistando o Selo Verde Ecooar para você e para o seu grupo de amigos. Saiba mais!


Agradecemos as belas fotos cedidas pelo grupo Piramba MTB que ilustraram essa matéria.

Piramba MTB
Website
Instagram
Facebook

Piramba MTB possui o Selo Verde Ecooar – Clique e conheça!


Assinar blog por e-mail

Digite seu endereço de e-mail para assinar este blog e receber notificações de novas publicações por e-mail.

Facebook Comments

ecooar

A Ecooar Biodiversidade acredita em um mundo melhor! E por acreditar tanto nisso, nossa equipe atua apaixonadamente para proteger, preservar e recuperar a natureza. Trabalhamos com projetos de reflorestamento que agem na recomposição de Áreas de Preservação Permanente (APP) na Mata Atlântica e demais biomas. A formação de florestas retém CO2 da atmosfera, o que resulta na captura de Gases de Efeito Estufa (GEE) e regeneração do meio ambiente.

One thought to “Bicicleta: tudo o que você precisa saber”

Deixe uma resposta

Translate »